quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Tempos sombrios pairam sobre a humanidade

.
Bom dia aqui da Argélia.

Cada vez mais me surpreendo com o que vou lendo na net.

O CNPCE - conselho nacional de planeamento civil de emergência em Portugal, esta a distribuir folhetos com informação para procedimentos de estocagem de alimentos para uma possivel crise de fornecimentos.

O que estes senhores sabem que não estão a divulgar á nós Portugueses ?????????
Que crise vem a caminho que justifique a estocagem de alimentos, agua e combustiveis ????
Pesquisei na net, e fiquei com os restantes cabelos que ainda tenho, em pé !!!!!!!

Avizinha-se uma possivel crise nuclear no médio oriente ( Irão - Israel ), já no próximo mês de novembro.

Relembro que em um post de 25 de junho 2010 ( http://ramirolopesandrade.blogspot.com/2010/06/navios-de-guerra-americanos-e-de-israel.html ), já havia preparativos de guerra dos EUA + ISRAEL.

O dia está a chegar ...............................

Agora leio que estão a ser feitos preparativos de defesa civil pelos governantes, de maneira muito discreta.

Reproduzo abaixo o texto do Blooge ( http://juizofinal.wordpress.com/ ).
________________________________________________________________


O CNPCE – Conselho Nacional de Planeamento Civil de Emergência, em Portugal, tem por missão assegurar o planeamento e coordenação das necessidades nacionais na área do planeamento civil de emergência, com vista a fazer face a situações de crise ou de guerra. (Lei Orgânica da Presidência do Conselho de Ministros – Decreto-Lei nº 202/2006 begin_of_the_skype_highlighting 202/2006 end_of_the_skype_highlighting, de 27 de Outubro, artigo 27º)

São objectivos do CNPCE:

a) Propor a Política Nacional de Planeamento Civil de Emergência (PCE);

b) Estabelecer planos e normas com vista a potenciar a resposta nacional a situações de crise e de guerra;

c) Coordenar as componentes e as capacidades não militares da Defesa Nacional e o apoio às Forças Armadas;

d) Contribuir, no âmbito do PCE, para a Gestão de Crises;

e) Promover as relações internacionais na área do PCE.

São atribuições do CNPCE:

a) Propor e coordenar a execução das políticas de Planeamento Civil de Emergência (PCE);

b) Garantir a disponibilidade dos meios e recursos que permitam cumprir os objectivos definidos no Artigo 3º, nomeadamente através da aplicação da Lei da Mobilização e Requisição;

c) Promover o levantamento e a análise e avaliação das capacidades e vulnerabilidades nacionais;

d) Orientar as entidades públicas e privadas para o reforço das capacidades nacionais através de medidas preventivas, de boas práticas e de planos que garantam uma resposta coordenada;

e) Acompanhar e preparar a resposta a situações que possam interferir com a gestão de crises na área do PCE, contribuindo para apoiar a decisão;

f) Garantir a cooperação internacional e contribuir no âmbito da OTAN, UE, ONU ou outros organismos congéneres, para a definição das políticas e doutrinas comuns de PCE;

g) Promover e ou participar nos exercícios e treinos de PCE e de gestão de crises.

Aviso do governo para os moradores

O governo está fazendo uma campanha de distribuição em locais públicos de normas e procedimentos para a estocagem de alimentos, quando isto ocorre, é porque algo de grave está por acontecer, estes procedimentos são comuns quando uma guerra ou uma grande crise se aproxima.

Folhetos distribuídos

Quadros de cenários de crise

Como podemos ver, com certeza este programa não é em vão, nestes tempos que estamos vivendo, programas como este se tornará comum entre a população, algo está para acontecer, devemos também estar preparados para estas adversidades.

Fonte: http://www.cnpce.gov.pt/

______________________________________________________________

Fiquem atentos a net, porque a midia de Portugal não é credível.

Leiam atentamente o texto ( http://juizofinal.wordpress.com/2010/10/17/3%c2%aa-guerra-mundial-webbot-aponta-fatos-relevantes-para-o-final-de-2010 ).

Na dúvida, tomem medidas preventivas.

Um abraço a todos.

Ramiro Lopes Andrade

3 comentários:

Daniel Simões disse...

Ramiro,
eu estou no Brasil há 5 anos.
Afinal, o que está a acontecer com Portugal???
A uniformização de medidas europeias, junto com a actual situação americana, só demostra uma coisa: uma grande guerra.
Quem estuda economia sabe: para acabar com uma grande recessão (que neste caso está chegando a depressão) só uma grande guerra!!!

RAMIRO ANDRADE - O PROVOCADOR disse...

CARO DANIEL SIMÕES

PORTUGAL ESTA NA RECTA FINAL PARA A IMPLOSÃO !!!!!!!!!
NOSSOS GOVERNANTES DURANTE DÉCADAS GASTARAM O DINHEIRO QUE NÃO TINHAM, E AGORA CHEGOU A HORA DE PAGAR.
QUANTO A GUERRA, ESTA ESTÁ PRÓXIMA, MUITO PRÓXIMA .....
OS AMERICANOS ESTÃO FALIDOS, E A ÚNICA MANEIRA DE SE REERGEREM SERÁ UMA GUERRA.

SOMENTE QUE AGORA É UMA GUERRA NUCLEAR, DE CONSEQUENCIAS IMPREVISIVEIS, OU NÃO .... A CONSEQUENCIA É QUE METADE OU MAIS DA POPULAÇÃO MUNDIAL MORRERÁ.

NA SUECIA / NORUEGA / ALEMANHA EXISTEM ABRIGOS QUE ESTÃO PREPARADOS HÁ ANOS, E QUE IRÁ PROTEGER SUAS ELITES E ALGUNS MILHARES DE CIDADÃOS PARA COMEÇAREM OUTRA VEZ.

QUANTO AO RESTANTE DE NÓS DESPROTEGIDOS, SÓ NOS RESTARÁ MORRER DE UMA FORMA TERRIVEL.

ESPERO ESTAR ERRADO...

UM ABRAÇO, E BOA SORTE.

RAMIRO LOPES ANDRADE

Bilder disse...

A alternativa é um governo Mundial estilo dutadura global com a cumplicidade de todos os politicos ocidentais nos governos e não só,decadas de planeamento e execução dessa cabala nos trouxeram até aqui,a cobardia e a corrupção mais a estupidez foram belas ajudas dos conspiradores,e aqueles que desde o inicio enfrentaram isso foram eliminados de alguma forma,desde Lincoln passando por Kennedy e Sá Carneiro etc etc...